Publicado em 12/05/2013

O que são fundações da casa? Como se faz?

A fundação é um termo utilizado na engenharia para designar as estruturas responsáveis por transmitir as solicitações das construções ao solo.

Na construção de uma casa um dos elementos mais importantes é a fundação.

A fundação é a parte da construção que suporta o peso e mantem fixo e nivelado o predio no terreno.

Se não estiver de acordo com as cargas que deve suportar, trará graves problemas para o resto da estrutura (paredes, tetos, etc.).

Chama-se fundação a parte de uma estrutura que transmite ao terreno subjacente a carga da obra.

A fundação ou alicerce serve para apoiar a casa no terreno. A fundação depende do tipo de solo do seu terreno.

A primeira coisa é tentar conhecer o tipo e a capacidade de suporte do solo, após o qual é definido o tipo de fundação a ser executada.

Uma sondagem permite saber qual é a fundação mais indicada. Existem firmas especializadas em sondagens de solos.

Mas a melhor dica é consultar os vizinhos para saber como foram feitas as fundações das casas próximas.

Antes de se decidir pelo tipo de fundação em um terreno, é essencial que o profissional adote os seguintes procedimentos:

a) visitar o local da obra, detectando a eventual existência de alagados, afloramento de rochas etc.;

b) visitar obras em andamento nas proximidades, verificando as soluções adotadas;

c) fazer sondagem a trado (broca) com diâmetro de 2″ ou 4″, recolhendo amostras das camadas do solo até atingir a camada resistente;

d) se persistirem duvidas, mandar fazer sondagem geotécnica .

Fundações rasas ou directas

São aquelas estruturas executadas em valas rasas, com profundidade máxima de 3,0 metros, ou as que repousam diretamente sobre solo firme e aflorado, como por exemplo: rochas, moledos (rochas em decomposição), arenitos, piçaras compactas etc., caracterizadas por alicerces e sapata

Tecnicamente, as fundações rasas ou directas são aquelas mais empregues em casos de cargas leves, como residências, ou no caso de solo firme.

 
 

O baldrame é o tipo mais comum de fundação dentre as fundações rasas.

Constitui-se de uma viga, que pode ser de alvenaria, de concreto simples ou concreto armado construída diretamente no solo, dentro de uma pequena vala.

Outro tipo de fundação rasa é a sapata, que pode ser do tipo isolada, associada ou alavancada.

Se você encontrar solo firme até uma profundidade de 60 cm, você pode abrir uma vala e fazer o baldrame diretamente sobre o fundo dela.

Você pode fazer baldrame de blocos ou de concreto.

Baldrame de blocos de concreto

Baldrame de Concreto

Fundação contínua

Os alicerces na generalidade dos casos são executados de forma contínua, sob a linha de paredes de uma edificação, utilizando-se:

a) Sistema de alvenaria de tijolos maciços, em bloco simples ou escalonado;

b) Sistema de pedras argamassadas sobre lastro de concreto simples;

c) Sistema de alvenaria sobre lajes de concreto armado ( sistema misto);

d) Sistema em concreto ciclópico.

 Broca (estaca)

 

Fundações indiretas ou profundas

São aquelas em que o peso da construção é transmitido ao solo firme por meio de um fuste.

Estas estruturas de transmissão podem ser estacas ou tubulões.

As fundações profundas são mais utilizadas em casos de edifícios altos em que os esforços do vento se tornam consideráveis, e/ou nos casos em que o solo só atinge a resistência desejada em grandes profundidades.

Os tipos mais comum de fundação profunda são as estacas escavadas e as estacas cravadas.

As estacas cravadas, conforme o material de que são constituídas, podem ser: de madeira, metálicas, concreto armado ou pré moldadas.


Fonte: Associação Brasileira de Cimento Portland

Refon

Atendimento

contato@refon.com.br -

(13) 97404-2236

Depoimentos

Cadastrei um pedido de orçamento no Refon e menos de 24 horas ja havia recebido o contato de 3 profissionais, apos conversar e decidir tudo em 20 dias meu trabalho ja havia sido realizado. Muito satisfeito com o site.

João Silverio

Redes sociais